domingo, 7 de julho de 2013

Gosto muito


Gosto de gostar. Bom quando sinto saudades. Sinto-me vibrando na energia de outra pessoa que gosto. Gosto de sorrir. Bom quando meu riso é de alegria promovida por outro sorriso. Gosto de doce, mas gosto mais de doçura. Bom quando vem com suavidade e perfume. Gosto de silêncio. Gosto também de barulho quando reflete a dinâmica da vida que não cessa. Gosto de crianças. Gosto muito do olhar da inocência e do desejo de aprender das pessoas. Gosto de espiritualidade. Gosto muito quando vem acompanhada de compaixão e sinceridade. Gosto de mães. Gosto muito quando se fazem divinas com seus filhos. Gosto de viajar. Gosto muito quando viajo para dentro de mim mesmo. Gosto muito de meus amigos. Eles me lembram o amor, o cuidar e o aconchego. Gosto de amar. Gosto muito porque me sinto humano. Gosto de Deus. Gosto muito porque me permite ser eu mesmo.

6 comentários:

  1. Dias lindos !!
    :)
    Gratidão Adenáeuer !
    Namastê !

    ResponderExcluir
  2. Adenáuer
    LUZ
    A nossa cidade está te aguardando de braços abertos.

    ResponderExcluir
  3. Como é bom gostar!!Gosto muito,muito mesmo de aprender com tuas palavras. Gosto de tuas palavras sobre Deus, sobre a vida, sobre espiritismoe e espiritualidade. Gosto de tuas palavras sinceras, esclarecedoras,diretas que nos orietam, sem a pretenção da verdade absoluta. Palavras que despertam a busca pelo conhecimento e a necessidade de nos auto conhecermos. Obrigada por mais essa bela mensagem. Abraços,
    Carla Fabres

    ResponderExcluir
  4. Marcele Rodrigues8 de julho de 2013 13:42

    “Quando você assume um projeto de evoluir espiritualmente imagina que para isso você tem de ser verdadeiro. Porém, as pessoas não gostam muito da transparência.
    Quando assumimos esse projeto, percebemos que devemos aceitar os outros como são, com seus erros e perdoá-los, pois são frutos da ignorância que acomete a todos nós. Todavia, nos deparamos com pessoas difíceis que não facilitam essa aceitação.
    Quando penso na evolução, me imagino um ser iluminado, altruísta e bondoso. Porém, quando caio em mim percebo que tropeço nos mesmos erros de outrora.
    E é dessa maneira que vivemos. Nos referenciando nos outros ou no nosso passado, almejando evoluir num futuro muito próximo.
    E vamos construindo conceitos errados, mas que simplesmente revelam nossos anseios em encontrar coerência entre o que pensamos, sentimos e agimos.
    Então, eis aqui uma pessoa que ama, que erra, que se perdoa, mas que cansa, e se revigora e continua...”

    Saudades!!

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. A palavra gostar vem de dentro para fora, do sentir o sabor, ou até mesmo de lembrar, o gostoso é gostar de alguém e saber que alguém gosta também de você, e mais gostoso fica em ouvir de alguém. gosto do seu jeito de ser. obrigado meu Deus, por ter o direito de gostar de alguém ou algo que me engrandece. muita paz

    ResponderExcluir