quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Claridade

Clara é a realidade que se mostra ao Espírito que já consegue perceber a diversidade multicolorida que emana do Criador;
Clara é a luminosidade que cerca a mente quando seu proprietário a transforma em templo sagrado do Altíssimo;
Clara é a percepção do destino de quem já entendeu que a vida requer envolvimento emocional para o desenvolvimento do Espírito;
Clara é a visão daquele que descobriu que sua imortalidade é inerente à sua existência e deve ser considerada em todas as suas experiências de vida;
Clara é a consciência de que o alcance da felicidade pertence a todos que integraram o amor em suas práticas de vida;
Clara é a certeza de que a verdade é uma tendência jamais alcançada em função de que só há um Absoluto;

Clara é a poesia quando o coração do poeta vibra em sintonia com o amor, com a paz interior e com a harmonia da Vida.

Um comentário:

  1. José Carlos de Toledo23 de outubro de 2013 09:49

    como pétala de rosa
    branca
    orvalhada
    resvalando
    caindo
    grama verde.

    ResponderExcluir