domingo, 16 de junho de 2013

Um raio de luz


A luz que se origina do coração de quem ama, liberta consciências que se encontram prisioneiras dos desejos inferiores. Quando nos propomos, conscientemente, a emitir pensamentos de bem-estar para outra pessoa, irradiamos a energia sutil e luminosa que incide diretamente no coração do outro. Do coração, ela se distribui por todos os centros de força de nosso corpo espiritual. De inesgotável poder, essa luz abre portas, clareia caminhos e dissolve tudo que é deletério e o que, porventura, seja dirigido a nós. Quando me dirijo a alguém e, antecipadamente, lhe envio a luz que emana do íntimo de minha alma, envolvo-o com o melhor do que o constitui, favorecendo o encontro. Deus se revela na luz que emana do coração que deseja o melhor para si e para o próximo.

3 comentários:

  1. Ola Adenáuer, adorei este artigo, lembrei-me muito de mamãe,dizia ela pense positivo, sempre sempre,pois a luz ilumina teu ser. obrigada mamãe. muita paz.

    ResponderExcluir
  2. LINDO e PROFUNDO...
    Um abraço fraterno,
    Amarelo.

    ResponderExcluir